31 de maio de 2014

SBT Brasil noticiando o falecimento do apresentador e locutor Mauricio Torres da Record (31/05/2014)

Mauricio TorresO SBT foi a primeira emissora da Tv aberta a noticiar o falecimento do narrador e apresentador esportivo Mauricio Torres.                           Fonte: PromoTV Brasil

Morre apresentador Maurício Torres.

Mauricio Torres

O apresentador e narrador esportivo Mauricio Torres morreu neste sábado (31) em São Paulo. Internado desde o dia 1º de maio no hospital Sírio Libanês depois de passar mal durante um voo entre Rio de Janeiro e São Paulo, Torres teve complicações médicas e morreu no início da noite. 

Torres chegou a Record em 2005 para as transmissões de futebol. No mesmo ano, participou dos programas "Terceiro Tempo" e "Debate Bola". O narrador também esteve na equipe olímpica da Record nos Jogos de Inverno de Vancouver (2010), nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara (2011), na Olimpíada de Londres (2012) e nos Jogos de Inverno de Sochi (2014).

Atualmente apresentava o "Esporte Fantástico" ao lado de Mylena Ciribelli e Cláudia Reis.

8 de maio de 2014

Morreu o cantor Jair Rodrigues, aos 75 anos.

 
De acordo com a JRC Produções, o músico estava em casa, em Cotia (SP), e a família aguarda a chegada da perícia. Não foi divulgada a causa da morte.
 
Jair Rodrigues de Oliveira nasceu em Igarapava (SP), no dia 6 de fevereiro de 1939, informa seu site oficial. Pai dos também cantores Jair de Oliveira e Luciana Mello, ele começou sua carreira nos anos 1960, em programas de calouros.
 
Em 1962, gravou aquele que é consirado seu registro de estreia, um disco de 78 rotações. Segundo o perfil, duas das músicas, "Brasil sensacional" e "Marechal da vitória", tinham como tema a Copa do Mundo daquele ano, no Chile, que foi vencida pela seleção brasileira. Em 1964, gravou seus Jair Rodrigues gravou seus primeiros LPs, "Vou de samba com você" e "O samba como ele é". Seu maior sucesso no período foi a música "Deixa isso pra lá", tida como precursora do rap no Brasil.
 
Marcada pelo movimento característico das mãos de Jair Rodrigues, a faixa foi regravada em 1999 em parceria com o grupo Camorra, diz o perfil. Jair Rodrigues também ficou conhecido pelo trabalho ao lado de Elis Regina.
 
Os dois iniciaram a colaboração em 1965 e lançaram o disco ao vivo "Dois na bossa". A boa repercussão do LP rendeu o convite para apresentar o programa O fino da bossa, que estreou em maio de 1965 na TV Record.

7 de maio de 2014

Segunda Dama estreia com mistério e troca de identidades

Mesmo rodeada de luxo, Analu se diz sozinha (Foto: Inácio Moraes/TV Globo)

Um passado misterioso e um presente para lá de complicado. As gêmeas Marali (Heloísa Périssé) e Analu (Heloísa Périssé) sofreram, quando crianças, a perda de seu irmão Dinho e agora vivem distantes uma da outra.

Enquanto Marali vende sacolé no Piscinão de Ramos ao lado de Edinéia (Elizângela Vergueiro), Analu parece se sentir sozinha morando em uma mansão com o marido Paulo Hélio (Dan Stulbach). No dia do aniversário das duas, uma reviravolta vai mudar suas vidas: elas vão trocar de identidade.

Já Marali é trabalhadora e tem amigos de verdade, como Edinéia (Foto: TV Globo/Estevam Avellar)

Se Analu vai ter que se adaptar e acordar cedo para trabalhar, Marali terá que aprender a lidar com as domésticas Ditinha (Zezeh Barbosa) e Ceição (Carolina Pismel), não misturar estampas e se comportar como uma dama. Para complicar ainda mais, o filho de Analu, Greg (João Pedro Zappa), está de volta à mansão. O garoto chega colocando o terror na tia e é o primeiro a descobrir o parentesco entre as duas.

Com direção de núcleo de Wolf Maya e direção geral de Carlos Araújo, Segunda Dama é de autoria de Heloisa Perissé, Paula Amaral e Isabel Muniz e redação final de Paula Amaral. O seriado ainda traz em seu elenco Hélio de la Peña, José Loreto, Laura Cardoso e Fabio Lago, nos principais papéis.

Rafinha Bastos entrevista Fábio Rabin - Um comediante sem noção!

Um dos grandes humoristas da atualidade / Francisco Cepeda / AgNews

Rafinha Bastos comanda mais uma edição do talk-show da Band, o AGORA É TARDE, nesta quarta(7) as 00h00. E desta vez o convidado é Fábio Rabin.

Como Rafinha, Rabin é comediante e judeu. Nascido em São Paulo, ele apareceu para o grande público em um quadro no programa “Pânico”. Em 2009 ele se envolveu numa polêmica com Wagner Moura. Rabin passou um gel no cabelo do ator, que não gostou nada da brincadeira.

Depois da confusão, ele foi para a MTV e participou de vários programas ao lado de Dani Calabresa, do CQC, como o “Comédia MTV”. Na TV fechada esteve presente no programa “Fritada”, onde ele e outros comediantes debocham de um convidado.

Além dos trabalhos na telinha, ele também viaja o Brasil com o seu espetáculo de stand-up comedy.

O programa AGORA É TARDE vai ao ar nesta quarta(7) à 00h00.

Thammy Miranda é a convidada do The Noite desta quarta

No The Noite desta quarta, 7 de maio, Danilo Gentili recebe a atriz Thammy Miranda. E mais:O Mestre Mandou e a continuação da campanha de Léo Lins para a CIPA, no SBT.


Foto: Roberto Nemanis/SBT

The Noite com Danilo Gentili
Nesta quarta, logo após o Conexão Repórter

1 de maio de 2014

Os 20 anos do legado de Ayrton Senna

Senna-movie-Smiling-Ayrton-1

Ayrton Senna fazia sua última corrida em Ímola há exatos 20 anos. E o dia 1o de maio de 2014 está sendo marcado por diversas homenagens e celebrações da memória do inesquecível tricampeão mundial de F-1.

ÍMOLA
No Autódromo Enzo e Dino Ferrari, fãs do mundo inteiro participam do evento “Ayrton Senna Tribute 1994/2014”, que teve início ontem, na Itália.

SENNA EXPERIENCE
Em 2014, outro canal de informação foi estabelecido, com este novo site oficial – e hoje uma nova área faz sua estreia, muita interatividade e espaço para o internauta deixar sua memória especial de Ayrton Senna.

YOUTUBE E FACEBOOK
O fã do piloto brasileiro também mostrou seu carinho especial na Internet, atingindo a marca histórica de 3 milhões de curtidas no Facebook e mais de 1 milhão de views no vídeo Ayrton Senna 20 anos.

93BR_464-860x430

SENNA NA TV
A história do nosso inesquecível campeão também rendeu diversos documentários produzidos pela TV brasileira neste ano. No próximo domingo, dia 3, a Rede Globo exibe a quarta e última parte da reportagem especial sobre Ayrton Senna, com o depoimento de diversos pilotos, jornalistas e celebridades sobre um dos maiores ídolos de todos os tempos do Brasil.

O SBT também produziu um especial sobre Senna e a TV Cultura reexibiu no último mês a íntegra da célebre entrevista com o piloto no programa “Roda viva” no final de 1986. Os canais esportivos Fox Sports e Sportv também anunciam uma programação especial neste dia 1º de maio, com programas sobre Ayrton Senna.

CARNAVAL
O ano de 2014 vem sendo marcado por homenagens nos mais diversos segmentos da sociedade – até mesmo em outro ícone da cultura brasileira, o Carnaval. A escola de samba Unidos da Tijuca conquistou o título do Grupo Especial do Rio com o tema “Acelera, Tijuca!”, após contar de maneira emocionante a trajetória de Senna no Sambódromo, em março.

SENNA NOS CÉUS
Outra homenagem a Senna está nos céus brasileiros desde ontem: as cores do capacete do tricampeão mundial de F-1, imortalizada nas conquistas do piloto, agora estampam uma aeronave da Azul, que está surpreendendo os passageiros com esta bela homenagem ao nosso eterno campeão.

EXPOSIÇÕES
Em solo, outra homenagem também ganha destaque neste mês, com a exposição “Senna Emotion” no Shopping Iguatemi, em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo – outros sete shoppings da rede receberão esta exposição.

SENNA EM QUADRINHOS
Até mesmo em quadrinhos o fã de Senna verá em 2014 mais uma bela homenagem a nosso eterno campeão. Já está nas bancas a HQ “Ayrton Senna, a Trajetória de um Mito”, do trio de autores europeus Froissart, Papazoglakis e Paquet, um lançamento mundial que chega ao Brasil pela Editora Nemo, em parceria com o Instituto Ayrton Senna.

Com tantos tributos pelo mundo, aproveite e faça a sua homenagem também e ajude a construir um circuito do tamanho do mundo recheado de grande memórias que só um campeão com Senna poderia ter.

Jean Paulo Campos, o Cirilo, é convidado de Danilo Gentili

Danilo Gentili recebe nesta quinta, 1º de maio, o ator Jean Paulo Campos, intérprete de Cirilo na Patrulha Salvadora e na novela Carrossel. O garoto fala sobre sua carreira, a relação com Silvio Santos e da vida pessoal. Recentemente Jean renovou seu contrato com o SBT e recebeu das mãos de Silvio Santos o Troféu Imprensa de Revelação do ano de 2012.

THE NOITE - Quinta, após A Praça É Nossa

Tela Quente: 'Gigantes de Aço' na segunda, dia 5

Em um futuro não muito distante, os humanos são substituidos por robôs nos principais ringues de luta. Com as mudanças, o ex-boxeador Charlie Kenton (Hugh Jackman) tem que aceitar o fim de sua carreira e se ajustar à nova modalidade. Com a ajuda de seu filho Max (Dakota Goyo), o ex lutador finalmente se transforma num grande campeão. Essa é a trama de Gigantes de Aço(2011), filme inédito que a Globo transmite nesta segunda, dia 5, às 22h25 (Horário de Brasília) naTela Quente

Real Steel (Foto: Divulgação)Charlie (Hugh Jackman) e Max (Dakota Goyo) preparam Atom para a grande batalha (Foto: Divulgação)

Charlie é um ex-boxeador que transforma peças usadas e obsoletas em máquinas de rixa e destruição. Mesmo com todo o seu conhecimento de luta, seus robôs não conseguem se destacar e acabam perdendo feio nas competições. As coisas começam a mudar quando seu filho Max, de 11 anos, reaparece em sua vida e o ensina importante lições.

Real Steel (Foto: Divulgação)Pai e filho entram no mundo da luta e colocam o seu robô no topo do ranking (Foto: Divulgação)

O garoto decide ajudar o seu pai e encontra, por acaso, o robô ideal. Atom, que originalmente é uma máquina criada para aguentar os golpes de outros robôs, é programado para revidar e se revela um ótimo competidor. Pai e filho juntam os esforços e criam o robô lutador perfeito. Atom se torna o único capaz a desafiar o multi-campeão e ultra-tecnológico Zeus. Quem será que vence essa disputa de Davi contra Golias?

  • Título Original:Real Steel
  • Elenco: Hugh Jackman, Dakota Goyo, Evangeline Lilly, Anthony Mackie, Kevin Durand, Hope Davis, Karl Yune, Olga Fonda
  • Direção: Shawn Levy
  • Nacionalidade: Americana/indiana
  • Gênero: Ação

Fonte: Tv Globo

Rafael Cortez mostra entusiasmo com estreia de Me Leva Contigo: “Nunca fiz algo dessa magnitude”

foto2

"Não é um programa de namoro, mas de conquistas", conta diretor do Me Leva Contigo.

Humorista, repórter, apresentador e ator — Rafael Cortez é um artista completo que já fez quase tudo em frente às câmeras. Quase. Isso porque, desta vez, ele tem um novo desafio pela frente, algo inédito e, por que não, inusitado: fazer as vezes de cupido no comando de seu novo programa na Rede Record, o Me Leva Contigo.

Na coletiva de imprensa da atração, que aconteceu na manhã desta quarta-feira (30) na própria emissora, Rafael Cortez, junto ao diretor Wanderley Villa Nova, Mafran Dutra, presidente do comitê artístico da Record e Daniela Busoli, CEO da Fremantle no Brasil, recebeu a imprensa para contar, em primeira mão, todas as novidades da superestreia da romântica atração, que vai ao ar no dia 9 de maio, às 22h15.

Ansioso por mais este lançamento, Mafran Dutra abriu o evento não só agradecendo a presença dos jornalistas e colegas, mas também exibindo confiança e alegria por ter Rafael Cortez de volta à grade.

— Estamos empenhados em lançar mais um produto de qualidade. O programa está maravilhoso e estamos muito confiantes, este será um projeto de sucesso.

Com felicidade e uma pitada de orgulho transparecendo no olhar, o apresentador revelou sua expectativa perante a nova empreitada.

— Estou muito feliz e aprendendo muito com o Wanderley, que está agregando em minha vida e carreira. Além disso, o programa está muito bonito. Nosso cenário em Paulínia [interior de São Paulo] é uma nave! A Record nos proporcionou todas as qualidades técnicas necessárias: o cenário é demais, a sonoplastia tem força. Nunca fiz, na televisão, algo dessa magnitude.

E, para quem ainda não se convenceu em reservar as noites de sexta-feira para acompanhar a saga das 30 mulheres desesperadas por encontrar um príncipe encantado, o diretor dá o xeque-mate: esse será, mesmo, algo nunca visto na TV brasileira.

— O Me Leva Contigo é completamente diferente dos demais, porque não é um programa de namoro, mas sim de conquistas. Isso vai trazer muitas novidades ao mercado brasileiro.

Além disso, o telespectador poderá contar com produtos exclusivos com o apresentador em uma extensão exclusiva para a internet nos chamados Consultório Sentimental e Correio Elegante.

60 curiosidades sobre os 60 anos de carreira de Carlos Alberto

Para celebrar os 60 anos de carreira de Carlos Alberto de Nóbrega, separamos 60 curiosidades sobre a vida e a carreira de um dos maiores nomes da televisão brasileira.

Nasceu em Niterói, em 12 de março de 1936, e começou sua carreira aos 18 anos no dia 1º de maio de 1954 na Rádio Nacional.

 


Quatro dias depois, Golias começou a trabalhar com Carlos Alberto no programa de seu pai, Manoel de Nóbrega. Desde então, trabalharam sempre juntos.

 


Em 1956, Manoel de Nóbrega criou a famosa Praça. O programa era feito na rádio, usando o auditório, mas nunca foi feito para o rádio, sempre pra TV.

 


Manoel de Nóbrega criou A Praça da Alegria após uma viagem para Buenos Aires, mas ele não foi o primeiro a sentar no banco da Praça. Os responsáveis por este momento histórico foram Carlos Alberto e Golias.

 

Carlos Alberto era gago. Por isso, ele falava meio cantando para não ser notado.

 

 

Carlos Alberto conta que quando começou a carreira era feio, espinhudo enarigudo. Ele acredita que o medo do que sobraria para ele em shows de circo por ser tudo isso e ainda gago fez com que a gagueira fosse curada.

 


Acha que a coisa mais difícil de sua vida foi ter deixado de ser gago.

 

 

Em 1945, Manoel de Nóbrega ganhou uma bolsa de estudos nos Estados Unidos. Carlos Alberto foi de navio e morou em Nova York de junho a dezembro.

 


Em 2013, Carlos Alberto foi homenageado pelo Risadaria.

 

 

No especial de 30 anos do SBT, em 2011, Carlos Alberto interpretou a versão brasileira do Professor Girafales.

 


Escreveu o livro "A Luz que Não Se Apaga" sobre a história de Manoel de Nóbrega, lançado em 2004.

 


Na juventude, Carlos Alberto treinava jiu-jitsu de segunda, quarta, sexta e sábado.

 

 

Uma de suas maiores conquistas foi ser chamado pelo seu nome e não por ser filho de Manoel de Nóbrega.

 


Sempre sai com dor após a gravação do programa por ficar horas sentado no banco da Praça.

 


Sempre senta na ponta e nunca encosta no banco.

 

 

Ficou 11 anos sem falar com Silvio Santos.

 

 

Considera sua estreia no SBT como o dia mais importante e feliz de sua vida.

 

 

A lembrança mais triste de sua vida foi o primeiro programa que ele fez sem o Golias.

 

Perdeu o pai e a mãe aos 40 anos em um período de seis meses.

 

 

Trabalhou 12 anos com Os Trapalhões.

 

 

No começo de sua carreira, as pessoas não acreditavam que era ele quem escrevia seus textos. Achavam que eram do seu pai.

 


Ao lado de Jô Soares, escreveu A Família Trapo.

 

 

Não gosta de ser chamado de chato.

 

 

Não gosta de falar ao telefone.

 

 

Não gosta de tirar fotos.

 

 

Adora mulheres.

 

 

Adora automóveis.

 

 

Tem medo de ver espíritos.

 

 

Adora filet de haddock

 


Perdeu uma mania horrível que era comer de madrugada. Foi obrigado a parar.

 

 

Nasceu e cresceu dentro do espiritismo.

 

 

Gosta de ficar sozinho para fugir dos problemas.

 

 

Toda vez que entra na Praça lembra de seu pai e de Golias.

 

 

Fez faculdade de Direito.

 

 

Para trabalhar no rádio, seu pai impôs que ele desse um diploma para ele.

 

 

Era filho único.

 

 

Tem seis filhos.

 

 

Tem muito medo de altura.

 

 

No começo deste ano, Carlos Alberto chegou a pensar em morar em Miami e continuar trabalhando no SBT, mas desistiu.

 


Carlos Alberto e Hebe passavam horas conversando ao telefone.

 

 

Considerava Canarinho como uma das pessoas que mais gostou em sua vida.

 

 

Para Carlos Alberto, terça-feira, dia da gravação da Praça, é como se fosse um domingo pela alegria de gravar o programa.

 

 

Ele participa ativamente da produção do programa: faz a redação final, edita e dá palpites.

 

 

Ele aprendeu a andar dentro de uma estação de rádio em Ipanema, Rio de Janeiro.

 

Ele diz que não é engraçado e não sabe contar piadas, mas espera que escreva coisas que sejam engraçadas.

 


Desde 1954, tudo o que Golias fez, com exceção de teatro, era escrito por Carlos Alberto.

 


Ele e Silvio Santos se conhecem desde 1954.

 

 

Embora tenha estudado Direito, Carlos Alberto queria estudar Engenharia porque adora construção.

 


Fez 10 anos de análise.

 

 

Seu bordão é: "Por hoje é só, mas quinta-feira estaremos de volta novamente. Eu aqui no meu velho e querido banco, e vocês aí em todo Brasil porque… A Praça é Nossa! Ela é muito nossa!".

 

A Praça é Nossa já está no ar no SBT há quase 27 anos.

 

 

Até pouco tempo atrás, não gostava de internet e não usava e-mail. Já chegou a tentar quebrar seu computador.

 

 

Para manter uma figueira em seu sítio, Carlos Alberto preferiu destruir uma casa e construí-la de novo do que destruir a árvore.

 


Carlos Alberto foi casado duas vezes.

 

 

Com Marilda, sua primeira esposa, teve 4 filhos. Com Andréia teve dois.

 

 

Como seus pais morreram com 63 anos, ele achava que também morreria com essa idade.

 

 

Atualmente, ele se considera apenas um pouco machista.

 

 

Tem o sonho de terminar sua vida artística no SBT.

 

 

Quando era jovem, pilotava uma lancha de Silvio Santos, mas precisava dizer que era dele porque o Silvio ficava com vergonha de assumir que tinha uma lancha.

 

Recentemente, precisou colocar um cateter e assumiu que sente medo de morrer.

 

Fonte: SBT

Marcadores

2008 (197) Arquivo (374) Bahia (7) BBB (79) Como Pensam... (11) Crônica (1) Culinária (9) Filmes (44) Humor (84) Ivete Sangalo (5) Música (216) Notícias (44) Novelas (5) Política (23) Saúde (26) Televisão (950) Variedades (183) Veneno (3) Vídeos (170)