27 de março de 2014

Domingo Legal não acordou...

0 comentários

 
Anunciada como um trunfo para tentar barrar o crescimento de Geraldo Luis, na Rede Record com o seu "Domingo Show", a presença de Danilo Gentili no Domingo Legal só mostra como o programa dominical se perdeu na vontade de ser algo melhor... Sim, a estreia do novo programa da Record só evidenciou o que já era visto por todos: o "Domingo Legal" ficou parado no tempo, em um parque de infância.

Trazer Danilo Gentili é achar que nada precisa ser mudado... uma pena!

Qual o publico alvo do Domingo Legal? O mesmo programa, que clama por um publico tão inocente é o mesmo que, em segundos, mostra toda a malicia sedutora das modelos e artistas no inacreditável “Telegrama Legal”... do tempo do Loiro do pintinho amarelinho...  

“Boia ou afunda”, “Passa ou Repassa” e “A Princesa e o Plebeu” são os produtos principais do programa que agradam apenas as “crianças”...  mas espera... quando menos esperamos entra o gavião -SIC- olha o erotismo na telinha e as crianças da gincana escolar o que fazem? Mudam de canal? O que fazem os pais?

Esqueceram que o publico estava carente de um programa família, com quadros “atuais” (mesmo renovados do mofo da televisão) porém que atingisse de forma ampla todos os que buscam diversão e informação nas tarde de domingo.

O programa erra por não trabalhar um publico definido e por não saber explorar o que ele tem de melhor: o Celso Portiolli. Dono de um carisma e uma capacidade impressionante de humanizar as situações, Celso encontra-se escondido atrás de quadros engessados... Ver Celso perder tempo perguntando se isso ou aquilo boia ou afunda é perceber um talento afundando lentamente.

O Domingo Legal tem salvação... basta olhar para o futuro e esquecer os passos do passado! É hora de investir em concursos, boas atrações musicais, quadros de humor, curiosidades, ir em busca de boas entrevistas e até buscar um quadro de homenagens a grande artistas da casa, mostrando ao publico que, ao ligar a tv no SBT lá será possível brincar, emocionar e rir sem mudar de canal.

Leave a Reply