6 de outubro de 2013

'Amor à Vida'– Público elege: Amarilys, a cobra!

0 comentários

thCAHTXQQ5

SÃO PAULO – A carente Amarilys (Danielle Winits) tem feito de tudo para afastar Eron (Marcello Antoni) de Niko (Thiago Fragoso), com quem vem protagonizando diversos pequenos barracos a cada decisão a ser tomada sobre o pequeno Fabrício.

Em uma atitude brusca, ela revelará que o bebê é filho dela com Eron: “O Fabrício não é seu filho. Ele não nasceu da fertilização feita no hospital, como você pensa. Chega dessa mentira!”, dirá a dermatologista, deixando Niko sem reação.

“Eu e o Eron transamos, eu fiquei grávida e o Fabrício nasceu. O filho é meu. Meu e do Eron.”

A cena de “Amor à Vida” só vai ao ar no dia 26, mas Winits já sente a resposta do público às ações da personagem. A reação das pessoas, que já é negativa, só tende a piorar.

'Percebo que as pessoas olham diferente para Amarilys. Tenho escutado muito: 'Que amiga da onça!'. Niko e Eron têm uma relação de anos. Ela entrou para mexer com isso', disse a atriz.

'Amarilys teve essa brecha do Eron. São duas traições. A primeira quando ela colocou o próprio óvulo e, depois, quando se apaixonou pelo marido do amigo.'

O público, de fato, a enxerga como a algoz de Niko. Numa enquete realizada pelo jornal 'Extra', Amarilys foi considerada a “mulher mais traíra da novela”, desbancando Aline (Vanessa Giácomo). E a atriz não faz questão de defendê-la.

'Vejo que a Amarilys está errada. Não necessariamente pela paixão, porque podemos nos apaixonar a todo momento, mas por não ter contado ao amigo, não ter sido mais clara. Ela poderia ter trilhado um caminho mais verdadeiro', declarou.

'O desejo dela é por uma família. Entendo a Amarilys neste aspecto, porque é difícil ter esse desprendimento de entregar um filho, ainda mais com o próprio óvulo. Mas ela quer ser a mãe, ela quer esse título, de mãe, de mulher do Eron.'

Leave a Reply