8 de julho de 2010

'Se trabalhasse pelo dinheiro, estaria cantando axé', diz Negra Li

0 comentários

Fernanda Figueiredo

Sem lançar um álbum de inéditas há quatro anos, Negra Li está se preparando para voltar ao mercado, mas  vê que não é nada fácil. Em conversa com o site OFuxico, a cantora de música black afirma que seu estilo ainda não tem espaço no Brasil. “Fazer meu estilo de som no Brasil é muito difícil, nos Estados Unidos eu seria considerada rythm and blues, colocada na categoria de cantoras como Lauryn Hill e Rihanna, mas o Brasil não tem mercado para isso, eles ainda preferem artistas de fora e eu acabo sendo chamada de pop.”

Mesmo com as dificuldades, a cantora fala que não mudaria de estilo só por conta do dinheiro, já que, se fosse por tal, estaria cantando o ritmo baiano, axé. “Não mudaria meu estilo, eu canto pelo meu dom, pelo que eu gosto, não pelo dinheiro.Se fosse por dinheiro, acho que já estaria cantando axé. Apesar das dificuldades eu não posso reclamar muito, sou uma das únicas que consegue viver cantando nesse estilo fazendo shows no Brasil e fora dele. Acredito que eu seja pioneira nisso, mas espero que daqui uns anos existam muitas Negras Li por ai, para facilitar minha vida também.”

Leave a Reply

Marcadores

2008 (197) Arquivo (374) Bahia (7) BBB (62) Como Pensam... (11) Crônica (1) Culinária (9) Filmes (44) Humor (84) Ivete Sangalo (3) Música (214) Notícias (42) Novelas (3) Política (23) Saúde (25) Televisão (941) Variedades (183) Veneno (3) Vídeos (167)